Anavitória, Marília Mendonça, Gilberto Gil: Veja os vencedores do Grammy Latino 2019

  • Por Jovem Pan
  • 15/11/2019 11h26
EFEA dupla Anavitória ganhou com 'Melhor álbum de pop contemporâneo em português'

Aconteceu na noite desta quinta-feira (14) a 20ª edição do Grammy Latino, em Las Vegas, no Estados Unidos, com a premiação de diversos artistas brasileiros. A cerimônia foi apresentada por Ricky Martin e as atrizes Roselyn Sánchez e Paz Vega.

Anitta fez o show de abertura de atração, mas saiu sem nenhuma estatueta dourada. Paula Fernandes também subiu ao palco para apresentar uma categoria além de participar de uma homenagem a Juanes, personalidade homenageada neste ano.

Já Gilberto Gil, Anavitória, Marília Mendonça, BayanaSystem e Tiago Iorc foram alguns dos brasileiros premiados. A espanhola Rosalía foi o grande nome da noite, ganhadora do Melhor Álbum com “El Mal Querer”.

Veja os vencedores das principais categorias:

Canção do ano:

Calma – Pedro Capó 
Desconstrução – Tiago Iorc
El País – Rubén Blades
Kitipun – Juan Luis Guerra 4.40
Mi Persona Favorita – Alejandro Sanz e Camilla Babello
No Tengo Nada – Alexandro Sanz
Quedaté – Kany Garcia e Tommy Torres
Querer Mejor – Juanes feat. Alessia Cara
Un Año – Sebastian Yatra feat. Reik
Ven – Fonseca

Gravação do Ano
Parecen Viernes – Marc Anthony
Verdades Afiladas – Andrés Calamaro
Ahí Ahí – Vicente Garcia
Kitipun – Juan Luis Guerra 4.40
Querer Mejor – Juanes feat. Alessia Cara
La Plata – Juanes feat. Lalo Ebratt
Aute Couture – Rosalia
Mi Persona Favorita – Alejandro Sanz e Camilla Cabello 
No Tengo Nada – Alejandro Sanz
Cobarde – Ximena Sariñana

Melhor álbum de música urbana
Kisses – Anitta
X 100PRE – Bad Bunny 
Mi Movimiento – De La Ghetto
19 – Feid
Sueños – Sech

Melhor álbum
Visceral – Paula Arenas Visceral
Paraíso Road Gang – Rubén Blades
Cargar La Suerte – Andrés Calamaro
Agustín – Fonseca
Vida – Luis Fonsi
El Mal Querer – Rosalía
#ELDISCO – Alejandro Sanz
¿Dónde Bailarán Las Niñas? – Ximena Sariñana
Mas De Mi – Tony Succar
Fantasía – Sebastián Yatra

Rosalía foi a grande vencedora da noite

Melhor canção urbana:
Baila Baila Baila – Ozuna
Caliente – De La Ghetto feat. J Balvin
Con Altura – Rosalía e J Balvin feat. El Guincho
Otro Trago – Sech feat. Darell
Pa’ Olvidarte – ChocQuibTown

Melhor álbum cristão em português
Gente – Priscilla Alcântara
Sagrado – Adriana Arydes
Guarda Meu Coração – Delino Marçal
Preto no Branco 3 – Preto no Branco
360º – Eli Soares

Melhor álbum de pop contemporâneo em português
O Tempo é Agora – Anavitoria
Tarântula – As Bahias e a Cozinha Mineira
Todxs – Ana Cañas
Para Dias Ruins – Mahmundi
Selfie – Jair Oliveira

Melhor álbum de rock em português
Vulcão – The Baggios
O Futuro Não Demora – BaianaSystem
O Céu Sobre a Cabeça – Chal
Goela Abaixo – Liniker e os Caramelos
Matriz – Pitty

Melhor álbum de samba/pagode
Canta Sereno e Moa – Nego Álvaro
Mart’Nália canta Vinicius de Moraes – Mart’Nália
De Todos os Tempos – Monarco
Em Sua Direção – Péricles
Anaí Rosa Atraca Geraldo Pereira – Anaí Rosa

Melhor álbum de MPB
O Amor no Caos – Zeca Baleiro
Canta Tito Madi – Nana Caymmi
Tudo é Um – Zélia Duncan
Tempo Mínimo – Delia Fischer
OK OK OK – Gilberto Gil
Besta Fera – Jards Macalé

Melhor álbum sertanejo
Hora Certa – Paula Fernandes
Francis & Felipe – Francis & Felipe
Em Todos os Cantos – Marília Mendonça
Live Movel – Luan Santana
Ao Vivo em São Paulo – Mano Walter

Melhor álbum de música “raiz” em língua portuguesa
Ajo – Foli Griô Orquestra
Macumbas e Catimbós – Alessandra Leão
Hermeto Pascoal e sua Visão Original do Forró – Hermeto Pascoal
O Ouro do Pó da Estrada – Elba Ramalho
Rei Caipira – Zé Mulato e Cassiano

Melhor canção em língua portuguesa
Ansiosos Pra Viver – Mestrinho
Desconstrução – Tiago Iorc
Etérea – Criolo
Mil e Uma – Arnaldo Antunes & Claudia Brant
Sem Palavras – Mário Laginha & João Longe

Artista revelação
Aitana
Burning Caravan
Cami
Fer Casillas
Chipi Chacón
Elsa y Elmar
Greeicy
Juan Ingaramo
Paulo Londra
Nella

Melhor álbum contemporâneo/fusion tropical
Barrios de Mi Tierra – Ivan Barrios
Candela – Vicente Garcia
Literal – Juan Luis Guerra 4.40
Tropicalia – Ilegales
Milly & Company – Milly Quesada

Melhor álbum de música alternativa
Latinoamericana – Alex Anwandter
Discutible – Babasónicos
Bach – Bandalos Chinos
Prender Un Fuego – Marilina Bertoldi
Norma – Mon Laferte 

Melhor álbum tropical tradicional
Andrés Cepeda Big Band (En Vivo) – Andrés Cepeda
Vereda Tropical – Olga Cerpa y Mestisay
Lo Nuestro – Yelsy Heredia
A Journey Through Cuban Music – Aymée Nuviola
La Llave Del Son – Septeto Acarey

Melhor álbum contemporâneo de pop
Montaner – Ricardo Montaner
Morat – Balas Perdidas
El Mal Querer – Rosalía 
#ELDISCO – Alejandro Sanz
Fantasía – Sebastián Yatra

Melhor canção pop
Bailar – Leonel Garcia
Buena Para Nada – Paula Arenas
Mi Persona Favorita – Alejandro Sanz feat. Camila Cabello
Pienso En Tu Mirá – Rosalía
Ven – Fonseca

Melhor álbum instrumental
Balance – Gustavo Casenave
Saxofones Live Sessions – Cuban Sax Quintet
Folia de Treis – Edu Ribeiro, Fábio Peron, Toninho Ferragutti
Unbalanced Concerto for Ensemble – Moisés P. Sanchez
Yo Soy la Tradicion – Miguel Zenón feat. Spektral Quartet

Melhor álbum de jazz latino
Turning Pages – Claudia Acuña
Elemental – Branly, Ruiz & Haslip
Dos Orientales – Hugo Fattoruso & Tomohiro Yahiro
Rio – São Paulo – André Marques
Jazz Batá – Chucho Valdés

Melhor videoclipe curta
Boca De Lobo – Criolo
Me Solta – Nego Do Borel feat. Dj Rennan Da Penha
Banana Papaya – Kany García & Residente
Los Zurdos Mueren Antes – Nach
Vivir Los Colores – Todo Aparenta Normal